RESUMO DAS NOVELAS

ATUALIZADO

O GLOBO - ULTIMAS NOTICIAS

13 de abr de 2012

GRUPO ESQUARTEJOU MULHERES E COMERAM CARNE DAS VÍTIMAS EM GARANHUNS (PE)

O trio suspeito de assassinar duas mulheres em Garanhuns, no Agreste de Pernambuco, pode estar envolvido em pelo menos mais dois assassinatos.

As revelações foram feitas na manhã desta quinta-feira ao delegado Wesley Fernandes Oliveira durante os depoimentos dos suspeitos: Jorge Negromonte, Isabel Pereira e Bruna Cristina de Oliveira da Silva. A última, teria revelado hoje sua verdadeira identidade.

Até ontem, ela utilizava o nome de Jéssica Camila, que na verdade seria mais uma vítima, assassinada no ano de 2008 em Olinda, na Região Metropolitana do Recife (RMR). Acredita-se ainda que a criança de cinco anos que morava com a família, seria filha de Jéssica, que teve o corpo enterrado no quintal da casa onde os assassinos moravam em Olinda e os ossos removidos para um terreno baldio depois que o trio se mudou para a Paraíba.

Ainda durante os depoimentos, o trio disse fazer parte de uma seita anti- capitalista que combatia a procriação e por isso assassinava apenas mulheres. Eles confirmaram ainda que, além de matar, esquartejar e enterrar as vítimas, comiam a carne dos corpos e faziam com que a criança também se alimentasse dos restos humanos, praticando canibalismo.

A polícia do Rio Grande do Norte investiga a participação dos suspeitos na morte de mais uma mulher naquele estado.

O caso começou a ser desvendado ontem, depois que a polícia encontrou os corpos de Giselly Helena da Silva, de 31 anos, e Alexandra Falcão da Silva, de 20. Na casa onde moravam os suspeitos, Jéssica de 22 anos,, ambos de 51 anos, e onde foram localizados os cadáveres esquartejados e enterrados no quintal, também foram encontrados um livro e um caderno onde os assassinos praticamente fazem uma confissão escrita de próprio punho.


Fonte: Miseria
Blog da Força Tática


Copiar e não citar a fonte, além de má educação, é ilegal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PAINEL

vooz